Inicial | Postagens RSS | Comentários RSS | Editar

Soneto do Amor Perfeito

segunda-feira, 25 de junho de 2007
.
.

SONETO DO AMOR PERFEITO
(Eloah Borda)
.
Ah!... Em sonhar aquele amor perfeito,
que acreditei, ainda existir pudesse,
a vida se me foi... e no meu peito,
agora um triste coração fenece.

Já de esperar cansado, contrafeito,
sentindo o frio da solidão, em prece,
pede um amor qualquer, mesmo imperfeito,
que o faça reviver...Ah, se eu pudesse!

Mas é tão tarde! A estrada é quase finda,
e não há volta no caminho estreito
que sempre adiante segue nesta vida.

Agora é prosseguir, mesmo que ainda,
a solidão que habita no meu peito,
te mate, coração, não há saída...
.
.
.

2 comentário(s) to Soneto do Amor Perfeito:

Tânia Carvalho disse...

Este soneto é bem a minha praia. Você tem poesias maravilhosas.
Favoritei seus sites. Desconheço a ferramenta que adiciona fãs no Blogblois, assim que eu descobrir, terei o prazer de adicioná-lo.
Obrigada!
Tan.

Anônimo disse...

I like this site^-^

Postar um comentário